Quando o coração se apaixona….

0
1722

O cu resolveu dar uma volta pelo interior do corpo, chegou ao pâncreas e disse:

– Olá pâncreas, eu sou o cu. Prazer em conhecer-te, és muito simpático.

Subiu mais um pouco e chegou ao fígado:

– Olá fígado que satisfação em conhecer-te, eu sou o cu. Passa lá em casa um dia destes.

E assim foi com todos os órgãos até chegar ao coração.

O cu apanha o coração a jeito, começa-lhe a apertar as artérias, dá-lhe uma valente tareia até o desgraçado do coração conseguir perguntar-lhe assustado:

– Oh cu, foste tão gentil com todos os outros e comigo tratas-me desta maneira?

O cu respondeu:

– Pois é, filho da pu**.

Apaixonas-te pela pessoa errada e quem é F#dido, sou eu!

Deixa o teu comentário, ele é muito importante para nós!